Dica musical: Black Tide

Black Tide já chegou com pé na porta e soco na cara. A promessa do Heavy Metal atual é formada por adolescentes de 15 a 20 anos de idade. Apesar de serem jovens, os garotos gostam de um bom rock “oitentista”. O grupo tem na formação Gabriel Garcia (vocal e guitarra), Alex Nuñez (guitarra), Zakk Sandler (baixo) e Steven Spence (bateria).

A mídia especializada ficou espantada com a precocidade musical dos rapazes. Os garotos colecionam elogios até dos grandes. Já dividiram o palco com ícones como Judas Priest e Iron Maiden, e se apresentaram em grandes festivais, como o Ozzy Fest, Troubadour, Download Festival e Reading Festival.

Gabriel Garcia, vocalista e guitarrista

O Vocalista e guitarrista Gabriel Garcia começou a cantar e tocar violão aos oito anos de idade, e ele sabia que aquilo era o seu destino. “Quando comecei a tocar, eu dizia, ‘Isto é o que eu tenho que fazer’. Eu não quero ser um advogado ou alguma merda do caralho como os outros”. Eu disse à minha família que eu queria tocar heavy metal. Meus pais apoiaram minha decisão o tempo todo. Diferente dos seus pais que provavelmente virariam para você e diriam: “Cala a boca menino, deixa de falar besteira e vai já para a escola!” Garcia alcança timbres que mais lembram o velho Bruce Dickinson e tem facilidade em compor riffs marcantes como James Hetfield.

Zakk Sandler, baixista da banda, resume o som da banda perfeitamente. “Black Tide soa como quatro adolescentes putos que querem ouvir muita música boa. Quando estamos juntos, fazemos algo de especial. Amamos Iron Maiden, Pantera, Metallica e Guns ‘N Roses, mas não tentamos ser qualquer coisa que nós não somos. Simplesmente subimos no palco e fazemos o que amamos”.

A Interscope catou os rapazes e apoiou a banda com o seu primeiro álbum, Light from Above, que gerou o hit “Shockwave”. O disco é repleto de solos velozes (“Warriors of Time”), refrões épicos (“Show Me the Way”) e hinos metálicos (“Light from Above” e “Shout”). O disco apresenta um som pesado, mas harmonioso. É cadenciado e agressivo quando necessário. Jeff Sosnow, representante da gravadora e descobridor do Black Tide, explica o porquê de ter assinado com os rapazes: “Canções e musicalidade vencem. A princípio fiquei inibido pela idade deles, mas Gabriel é um ótimo compositor”.

A banda tem um hype tão grande que no seu primeiro álbum tiveram o aval do Metallica para tocar “Hit the Lights” do Kill’em All que está fodamente executada no Light from Above.

Eles ainda foram convidados para gravar um cover do Iron Maiden num tributo à banda. A música escolhida foi “Prowler”, música que eles costumam tocar em suas turnês.

Kirk Hammett fala sobre a banda:

Você conhece Black Tide?

Sim, tem algo especial naqueles garotos.

Você os conhece pessoalmente?

Não, eu não os conheço pessoalmente, mas eu os vi tocando no Cream Music Awards e eu vi como eles se relacionam um com o outro, eu pude notar pela personalidade deles e pela maneira que eles interagem e na atitude que há algo ali. E o fato de eles serem tão jovens e serem capazes de reconhecer algo dentro deles e coletivamente como uma banda é muito legal. E há bandas por aí que são tão populares quanto, mas não têm isso, pelo menos aparentemente. E com eles é tão claro. Eles são uma banda jovem, eles estão se tornando o novo Led Zeppelin, pelo que eu sei. E faria sentido se eles realmente se tornassem. Eu vejo algo ali, eles têm essência. Está funcionando para eles e eu espero que eles vão adiante para criar…

Confiram duas músicas do Black Tide.

Warriors of the Time

Shockwave

Cena do Crime recomenda um bom bate cabeça!

3 Responses to Dica musical: Black Tide

  1. Marcelo disse:

    Black Tide acho que é o sonhor de qualquer jovem do Heavy Metal; chegar aonde eles estão, os melhores atualmente. Gostei muito da banda deste o dia que vi o clipe Shockwave na tv, comprei essa música para o jogo Rock Band 2, muito difícil de tocar. a banda é muito contagiante.

  2. Marcelo disse:

    Todo ano, quando viajo para Fortaleza escolho a música das minhas férias; Shockwave já foi a trilha sonora em um destes anos.

  3. rummeres disse:

    Éh, e o aspecto é bem anos 80 também!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: